21 de jul de 2011

Ser ou não ser, eis a questão!

Alguns ao ler o tema desta matéria, devem ter ficado curiosos por ser uma frase muito conhecida. Poderíamos ficar horas e mais horas, páginas e mais páginas escrevendo dele, mas vamos começar com uma pergunta: “Ser ou não ser cristão?”



Talvez depois desta pergunta, muitos devem ter desistido de continuar lendo nosso texto, dizendo: “Lá vem com esse papo de novo...”, mas você que continuou pare pra pensar e me responda: “Será que somos Convertidos ou Convencidos?"

Vou explicar: Hoje em dia virou modinha ser evangélico, porque alguns jogadores de futebol são, porque cantores famoso são, etc. Essas pessoas que vão a igreja somente pelo fato de achar legal e moda, podemos chamar-las de Convecidos, pois se convencem de que vão se tornar populares ao serem de um movimento famoso chamado “Movimento Gospel”
Não estou aqui dizendo que todos os famosos que vão a igreja somente querem participar do modismo, porém, será que é só isso que encontramos na igreja? Será que o objetivo principal não está sendo esquecido?

É muito fácil chegar na igreja e escutar pessoas falando que sua vida vai mudar, você nunca mais vai sofrer, até parece propaganda de alguns produto na televisão, tipo “Seus problemas acabaram, chegou o Aceitation e Mudantion de Vidation tabajara!”.

Na verdade, se pararmos para lembrar o que está escrito na Bíblia Sagrada no versículo 33 do capítulo 16 do livro de João o Senhor Jesus declara: Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo, veremos que não é bem assim. Falar desse evangelho que te dá tudo do dia para noite é fácil, falar que você vai ter tudo que quiser de forma a jato também é fácil, mais o tempo passa e veremos que na verdade, a palavra de Deus se cumpre perfeitamente, e aí sim, no mundo teremos aflições!

Essa é a grande diferença entre o convencido e o convertido. Neste caso, o convertido já foi a igreja sabendo que o principal objetivo de lá estar é servir ao Senhor com alegria (Salmo 100:02), independentemente do que Ele pode, pela sua extraordinária misericórdia, nos proporcionar. Já o convencido, desiste na primeira aflição que passa.

Teremos aflições? Teremos! Será difícil? Será! Haverá pedras no caminho? Haverá! Mas Deus nos fará ser vencedores!

Não vamos estar na igreja apenas por estar, mais vamos a igreja buscar ao verdadeiro Deus que sempre estará a nossa espera, de braços abertos para sarar nossas feridas e cuidar de cada problema da melhor maneira, no tempo e da forma que Ele, Deus achar que deve fazer. Assim, seremos a cada dia mais felizes, e nenhum tipo de problema irá nos separar do amor de Deus (Romanos 8:38-39).

Quando for a igreja, lembre-se:

1. Louvor é momento de adoração a Deus, e não de conversa no fundo da igreja ou de se empanturrar com as delícias que a cantina pode nos vender, essas duas coisa podem ficar para antes ou depois do culto;

2. Mensagens não devem ser comentadas na hora em que acontecem, pois ninguém pode escutar uma mensagem e fazer um comentário ao mesmo tempo, a não ser que seja uma pessoa super – ultra – mega ser humano;

3. Igreja não é cinema, onde você assisti um filme e come pipoca ao mesmo tempo, então, deixe para comer depois do culto e não na hora do culto dentro da igreja;

4. Não vá a igreja para olhar os defeitos dos outros e julga-los. Já pensou se Deus fizer isto conosco?

5. Aprenda a amar, todos os dias, independente dos defeitos das pessoas. Ame-as;

6. Cuide da casa de Deus como se fosse a sua casa, logo, cuide da sua casa também!

Bom, o assunto é muito longo mas teremos tempo de sobra para continua-lo. Abraços!

Casa da Benção São Mateus

Author & Editor

Has laoreet percipitur ad. Vide interesset in mei, no his legimus verterem. Et nostrum imperdiet appellantur usu, mnesarchum referrentur id vim.

Popular Posts